Criada por Jacqueline Sandes – dançarina, coach e estudiosa dos ritmos biológicos femininos – a Dança da Vênus nasceu da investigação de experiências que proporcionam à mulher, a conexão com a sabedoria do seu ciclo menstrual, encontrando nele o prazer e a liberdade de ser.

A Dança da Vênus é um processo de autoconhecimento dedicado essencialmente ao público feminino, fundamentado na compreensão e na harmonização com o próprio ciclo menstrual, suas características fundamentais, suas limitações e potenciais intrínsecos a cada fase do ciclo. Sendo assim, esta jornada de auto-investigação, começa com a re-significação da iniciação que representa a menarca e as influências que essa nova constituição bioquímica do corpo gera nas emoções, na percepção de si mesma, no senso de identidade e no cotidiano prático da mulher.

Painel 1

Jacqueline Sandes

Dançarina, coach e pesquisadora dos ritmos biológicos femininos.

Sou pesquisadora autodidata de temas relacionados ao universo feminino há 10 anos e encontrei no processo de autoconhecimento, nas artes manuais e especialmente no trato com a natureza e na arte da dança, o desabrochar do próprio feminino.

Graduada em Comunicação Social, Publicidade e Propaganda pela faculdade Euro-panamericana, sou formanda em Dançaterapia com o professor Pio Campo, do Centro Internacional de Dançaterapia Maria Fux e estudei dança do ventre sagrada, dança cigana, dança sagrada da alma (com Rita Pontes) e princípios de dançaterapia (Josie do Gerar Dança). Discípula de Sri Prem Baba, líder humanitário e mestre espiritual, inspirada por suas metodologias, reconheci na dança um instrumento de autoconhecimento e autotransformação.

Foi assim que nasceu a “Dança da Vênus”, uma prática desenvolvida especialmente para o público feminino cujo objetivo é oferecer ambiente e instrumentos para fortalecer a conexão com o feminino interior e sua expressão no mundo. Sua principal contribuição é o resgate da sintonia do corpo da mulher com os ciclos da natureza, a aliança com a beleza para o cuidado: com o corpo, com a casa, com os relacionamentos, com a natureza.

Além da Dança, meus trabalhos de pesquisa corporal se estendem ao Yoga (estudei com Robson Lahoz) e à capoeira regional (Grupo Muzenza- professor Guerreiro). Durante 2 anos atuei como voluntária da “Associação Santuário Ecológico Rancho dos Gnomos”, uma entidade dedicada à proteção dos animais e da natureza. Esta experiência me proporcionou uma fina comunicação com a natureza: pedras, plantas e animais. Fui uma das mantenedoras do espaço “Onde o Tempo é Arte“, em cotia, dentre as atividades das quais me dediquei, estavam o empenho para as soluções amorosas para o cotidiano, garantindo uma boa forma de habitar o espaço em harmonia com a fauna e flora local.

Painel 2

Vivencie

Atendimentos individuais

Conscientização, conexão e expressão do feminino e da própria dança.

Processo de ATENDIMENTO individual, em 12 sessões de 1 hora e meia para aprimoramento da expressão do Ser mulher.

Encontros em grupo 

Para conexão com outras mulheres.

Eventos

(aniversário, chá de lingerie, despedida de solteira, vivência de menarca, etc) para uma memorável celebração com mais união, partilhas, sutilezas, delicadezas e força feminina.

Palestras vivenciais

Inspirar o empoderamento feminino.

Painel 3

Inspirando movimentos

A Menstruação como Arte

Venho sentindo uma profunda gratidão às mulheres que abriram e sustentaram caminhos que facilitam o meu estudo atual sobre a menstruação e seus inúmeros benefícios para a saúde e felicidade da mulher. Dias atrás li um artigo da Monika Von Koss, sobre menstruação, publicado em 1996! Eu tinha 18 anos de idade e nem imaginava que havia […]

Painel 4

Contato

Olá, preencha o formulário abaixo para receber informações sobre valores, agenda, locais de atendimento. Leve a Dança da Vênus até você!